7 de Agosto

Os ressentimentos causam violência; em pessoas não violentas, os ressentimentos causam doenças 

Reflexão do Dia

O que podemos fazer quanto aos nossos ressentimentos? A experiência mostrou que a melhor coisa a fazer é escrevê-los, listando as pessoas, instituições, ou princípios que são objeto da nossa raiva ou ressentimento. Quando listo os meus ressentimentos e pergunto porque é que estou ressentido, descubro que na maior parte dos casos a minha autoestima, as minhas finanças, as minhas ambições ou as minhas relações pessoais foram atingidas ou ameaçadas.

Algum vez irei aprender que a pior coisa para o meu ressentimento é ficar eternamente a planear a vingança?

Hoje eu peço:

Que Deus me ajude a encontrar uma forma de me livrar dos meus ressentimentos. Que eu desista de ficar horas a congeminar pequenos enredos em que eu faço o papel do homem ou da mulher zangada que arrasa com muita esperteza a pessoa que me ameaçou. Já que esses dramas nunca vão a palco, que eu me dedique antes a fazer a lista dos meus ressentimentos e a descobrir as causas de cada um. Que isto sirva para me livrar deles.

Hoje vou lembrar-me:

Os ressentimentos causam violência; em pessoas não violentas, os

ressentimentos causam doenças.