10 de Janeiro

 Partilhar a oração

 Reflexão do Dia

Desde que cheguei a Jogadores Anónimos, fui tomando cada vez maior consciência da Oração da Serenidade. Vejo-a na capa da literatura, nas paredes da sala de reuniões, nas casas dos meus novos amigos. "Concedei-me, Senhor, serenidade para aceitar as coisas que não posso modificar, coragem para mudar aquelas que posso e sabedoria para perceber a diferença."

Compreendo bem a Oração da Serenidade? Acredito no seu poder e repito-a com frequência? Está a tornar-se mais fácil para mim aceitar as coisas que não posso modificar?

Hoje eu peço:

Que Deus me garanta que as palavras da Oração da Serenidade nunca se tornem mecânicas para mim, nem percam o seu significado no ritmo embalador da repetição. Peço para que estas palavras ganhem em profundidade de significados à medida que eu lhes for ajustando as realidades da vida. Acredito que posso encontrar nesta oração as soluções que procuro, pois na sua simplicidade, ela abrange todas as situações da vida.

Hoje, vou lembrar-me:

Partilhar a oração.