26 de Abril

O sentido de humor é um sinal de saúde 

Reflexão do Dia

Quando cheguei pela primeira vez aos Jogadores Anónimos, fiquei perplexo com o som constante das gargalhadas. Hoje já percebi que o entusiasmo e a alegria ajudam e são úteis. Por vezes, as pessoas de fora surpreendem-se quando desatamos a rir por causa de uma daquelas histórias trágicas do nosso passado. Mas porque é que não nos haveríamos de rir? Estamos em recuperação, e estamos a ajudar outros companheiros a recuperar também. Há alguma razão, melhor que esta, para nos sentirmos felizes e bem-dispostos?

Já comecei a recuperar o meu sentido de humor?

Hoje eu peço:

Que Deus me devolva o meu sentido de humor. Que eu possa apreciar o riso honesto, essa música de fundo da alegria mútua que sentimos pela nossa abstinência de jogo. Possa eu rir-me com fartura, não aquele riso auto satisfeito que ao mesmo tempo ridiculariza as fraquezas dos outros, nem o riso amargo com que me humilho a mim mesmo, mas antes o riso saudável que ajuda a manter todos os problemas em perspetiva. Que eu nunca veja esse género de riso como irreverente. Aprendi, pelo contrário, que o que é irreverente é levar-me demasiado a sério.

Hoje, vou lembrar-me:

O sentido de humor é um sinal de saúde.