22 de Fevereiro

Medos projetados, assim como as sombras, são maiores do que a vida 

Reflexão do Dia

Quando entrei para Jogadores Anónimos, encontrei pessoas que sabiam exatamente o que eu queria dizer quando finalmente falei dos meus medos. Elas tinham estado onde eu também tinha estado, elas compreendiam. Desde então, aprendi que muitos dos meus medos tinham a ver com a projeção. É normal, por exemplo, sentir-se incomodado por ter um certo medo de que a pessoa que eu amo me abandone. Mas quando esse medo surge antes do relacionamento efetivo com a pessoa que estou com medo de perder, então isto converte-se num problema sério. A minha responsabilidade para comigo mesmo inclui isto: não preciso de ter medo do que não existe.

Estou a mudar de uma pessoa temerosa para uma pessoa destemida?

Hoje eu peço:

Peço a Deus que me ajude a despedir-me dos meus medos — aquelas invenções, fantasias, pensamentos monstruosos, projeções de desastres que não têm fundamento no presente. Que eu dê sentido à minha imaginação e me concentre no aqui e agora, porque tenho tendência para ver o futuro com lentes aumentadas.

Hoje, vou lembrar-me:

Medos projetados, assim como as sombras, são maiores do que a vida.