9 de Novembro

Deixar a oração tornar-se um hábito

Reflexão do Dia

Com o passar do tempo, a comunhão diária com Deus torna-se tão essencial para mim como a minha respiração. Não preciso de um lugar especial para rezar, porque Deus escuta sempre o meu clamor. Não preciso de palavras especiais para as minhas orações, porque Deus já conhece os meus pensamentos e necessidades. Só preciso de direcionar a minha atenção para Deus, porque sei que a Sua atenção estará sempre direcionada para mim.

Sei que só coisas boas podem acontecer-me se eu confiar completamente em Deus?

Hoje eu peço:

Que a minha comunhão com Deus se torne uma parte regular da minha vida, tão natural como o bater do meu coração. Permita-me descobrir, à medida que me habituei ao hábito de rezar, que não é tão importante descobrir um canto no quarto, o lado de uma cama, um banco de igreja, ou mesmo uma hora especial do dia para a oração. Que os meus pensamentos muitas vezes se virem automaticamente para Deus, sempre que houver um intervalo no meu dia ou uma necessidade de orientação.

Hoje vou lembrar-me:

Deixar a oração tornar-se um hábito.